Frases para pensar


Pois os pobres vocês sempre terão com vocês, e poderão ajudá-los sempre que o desejarem. Mas a mim vocês nem sempre terão. (Marcos 14. 7)

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Curandeiros sul-africanos sacrificam boi em estádio. E católicos vão na onda.





Peguei este assunto pelo meu Twitter com um RT vindo desde lideranças eclesiásticas. Fiquei pensando quando li o Twitter se havia um tom crítico, de denúncia ou de horror diante do fato. Veja o link da matéria aqui: http://migre.me/Jcq3

Como o link puxado apenas repetia a notícia do Globo Esporte, eu resolvi escrever algumas linhas sobre este assunto. Creio que as pessoas ficam chocadas em sua educação cristã diante de tais bizarrices. Ou em sua hipócrita  crítica disfarçada de polidez. O certo é que "repreendemos" este festival religioso.

Mas por quê? Porque no fundo, nossa cultura ocidental se acha superior a outras culturas. Quando esta cultura se reveste de um tom cristão, nos sentimos mais superiores ainda. E então demonizamos aqueles que são diferentes de nós. Antes de continuar deixo claro que sei das forças malignas por trás de manifestações como as de Joanesburgo. Mas tenho uma questão maior. Seguinte:

  • Por que ao invés de demonizar a cultura africana, feito histórico dos ocidentais, não pensamos em redimir esta cultura para Deus, respeitando nossas diferenças?
  • Por que nos choca tanto a ignorância destes  "sangomas" (bruxos), mas não nos choca a ignorância de milhares de cristãos ocidentais que são enganados diariamente?
  • Se achamos tanto horror nisto quantos missionários estamos enviando para pregar a luz do Evangelho nesta situação de trevas?
Deixo o espaço aberto para que sejam levantadas outras questões. Oro para que em Joanesburgo homens e mulheres de Deus amem os africanos dentro de sua cultura e simplesmente sejam capazes de redimir esta cultura através da redenção de pessoas.

Aqui uma notícia oposta: Bispo católico também abençoa estádio.

http://news.noticiascristas.com/2010/06/na-africa-do-sul-bispo-catolico-abencoa.html?utm_source=feedburner&utm_medium=twitter&utm_campaign=Feed%3A+NoticiasCristas+%28NOT%C3%8DCIAS+CRIST%C3%83S%29&utm_content=Twitter

Graça e paz, sempre.

6 comentários:

Wendel Bernardes disse...

Creio realmente amigo marcus, que a Igreja demoniza, ou mesmo despreza muita coisa que não entende ou mesmo enxerga, por causa da curta visão ministerial de alguns lideres de ovelhas...
A situação na África é completamente desesperadora. Mas não podemos esquecer que nosso nordeste é igualmente afundado na obscuridão do paganismo e miséria e lá nunca queremos abrir frentes de trabalho... é lamentável!

Louvo a Deus por posts como esses que nos fazem pensar em nossa condição como Igreja.

www.wendelbernardes.blogspot.com

NICODEMOS disse...

Paz seja contigo

Concordo contigo no que se refere a perceber que os que se dizem cristãos e são os evangélicos tem mais discriminado e seguido por caminhos piores que os descrentes do que sido Luz e modelo a ser seguido. Falta de fato que os evangélicos tenham atitudes de cristãos e não aceitem o pecado e a hipocrisia como modo de vida.

E que de fato mostremos aos bruxos africanos que o sacrificar o boi não é "hediondo ou bizarro", mas desnecessario pois Um cordeiro perfeito foi ja scrificado por toda a humanidade.

Permaneça na Graça e nela frutifique

Seja bem vindo em meu blog e que possas ser edificado na Palavra

atalaiadocastelo.blogspot.com

Nicodemos

Vinicius Morais disse...

Graça e Paz!

Concordo. Muitas vezes seguimos os caminhos dos jesuítas que chegaram ao Brasil na época do "descobrimento", enfiando o cristianismo goela abaixo dos índios.

Temos sim, de evangelizar este povo, mas não mudar sua cultura. Precisamos enteder que a cultura é apenas uma manifestação de identidade de um povo, nada além disso.

O que acontece é que o diabo tem usado a cultura para disseminar o mal.

Parabéns pelo texto.
Deus lhe abençoe!

Abs,
Vinicius Morais
----
Visite: Refletindo a Graça
http://refletindoagraca.blogspot.com/

Danilo Fernandes disse...

Pr Marcos!

Concordo 100%. Veja voce que outro dia estavam metendo o pau na Ana Paula Valadão por conta de um clip com tons africanos... Eu mesmo, a principio aderi, não por conta do ritmo, mas pelos tais atos proféticos. Mas a maioria falava das roupas afro (lidas por candomblé) e os tambores.

Depois fui ver que Ana Paula nava mais fazia - juntamente com os atos profeticos, claro, risos - do que imitar este coral abaixo:

http://alleluiaarte.blogspot.com/2010/05/soweto-gospel-choir-amazing-grace.html

Que deve ser estrela nesta copa.
Eles são 100% crentes, mas não enterraram as raizes. Ainda bem!

Marcus Vinicius disse...

Isto mesmo Danilo, e tem gente que vive amarrando qualquer manifestação cultural, como se fossem os donos da revelação final de quem é de Deus ou não.

A cultura precisa de reforma sim, mas sem destruir historicamente a construção da identidade das pessoas.

Abração.

Igo Delanio disse...

pr. Marcus
Concordo plenamente com o senhor.
Que possamos entender o evangelho como que liberta e não como que aprisiona mais ainda aos sistemas religiosos de nosso tempo.
abraço


www.constrangidospeloamor.blogspot.com

Origem dos meus visitantes

Visitantes por países

free counters

FeedBurner FeedCount

LIVROS MARAVILHOSOS (meus preferidos)

  • A Maldição do Cristo Genérico - E. Peterson
  • A Serpente do Paraíso - Lutzer
  • Alma Sobrevivente - P. Yancey
  • Anseio Furioso de Deus - Brennan Manning
  • Chega de Regras - L. Crabb
  • Confiança Cega - B. Manning
  • Evangelho Maltrapilho - B. Maning
  • Igreja Orgânica - N. Cole
  • Maravilhosa Graça - P. Yancey
  • O Anseio Furioso de Deus - B. Manning
  • O Caçador de Pipas
  • O Impostor que Habita em mim - B. Maning
  • Reformissão - M. Driscoll
  • Reimaginando a Igreja - F. Viola
  • Sonhos Despedaçados - L. Crabb
  • Ânimo (Corra com os cavalos) - Eugene Peterson